Descolamento de Retina

A retina √© uma fina camada contendo c√©lulas nervosas que recobre internamente a cavidade posterior do olho. √Č respons√°vel pela percep√ß√£o e forma√ß√£o da imagem, fornecendo dados que s√£o enviados para o c√©rebro, onde ser√£o traduzidos. Assim, a retina √© uma parte importante do olho para a vis√£o.

O descolamento de retina geralmente ocorre ap√≥s os 45 anos e afeta apenas um olho. Dentre os fatores de risco relacionados est√£o: hist√≥ria de deslocamento de retina na fam√≠lia, glaucoma e cirurgias oculares pr√©vias. Pessoas com altos graus de miopia apresentam altera√ß√Ķes retinianas que predisp√Ķe ao maior risco de descolamento de retina precoce. Acidentes que resultem em ferimento, impacto ou batida forte no olho, na face ou na cabe√ßa podem provocar o deslocamento de retina, assim como o diabetes e inflama√ß√Ķes oculares graves.

Os sinais de alerta s√£o: vis√£o emba√ßada, √°reas enegrecidas ou flashes de luz/rel√Ęmpagos. Luzes ou flashes podem ser os sintomas iniciais do descolamento da retina e ocorrem devido √† estimula√ß√£o da retina que √© interpretada pelo c√©rebro como sinais de luz. Esse sintoma √© muito importante e a sua ocorr√™ncia exige um exame com o OFTALMOLOGISTA o mais breve poss√≠vel.

 

Quando o descolamento de retina não é corrigido, quase todos os casos progridem até uma perda total da visão, cegueira irreversível e atrofia ocular. A correção de um descolamento de retina com a cirurgia é bem sucedido em aproximadamente 80% dos casos, embora mais de um procedimento possa ser necessário. Uma vez que a retina é novamente colada, a visão geralmente melhora e estabiliza. No entanto, essa recuperação pode demorar diversos meses antes que a visão retorne a seu nível definitivo.

Atualmente, existem diversas técnicas para cirurgia do descolamento de retina. Ressalta-se que em cerca de 5% dos casos de descolamento de retina num olho, que não seja causado por trauma, a doença afeta o outro olho. Assim, o segundo olho de um paciente com um descolamento de retina deve ser examinado minuciosamente e seguido com atenção.

O descolamento de retina é uma doença extremamente grave, com risco de perda total da visão e que sua a suspeita exige uma avaliação com um OFTALMOLOGISTA o mais rápido possível.